A busca pelo bom desempenho na corrida de rua

Qualquer pessoa que pensa em começar a se exercitar precisa procurar orientações médicas para saber o que pode ou não ser feito. Segundo o professor de educação física, Fábio Lopes, antes de tudo, seja para praticar a corrida ou qualquer atividade física, é importante saber se está apto a praticar atividade física, levando em conta fatores de risco que podem ser hereditários ou não. Feito isso, aí sim a procura deve ser por um profissional de educação física, que saberá orientar da melhor forma. “Todos sabem que a atividade física é indicada por trazer inúmeros benefícios à saúde e a corrida é uma das formas mais praticadas, seja pela facilidade da prática ou pelos benefícios que ela proporciona”, destaca.

Dentre vários pontos positivos que a corrida oferece, o professor enumera algumas: emagrecimento, que ocorre pelo fato de a corrida ser uma atividade aeróbia, que promove o aumento do uso da gordura (ácido graxo livre) como fonte de energia, sem contar que a pessoa que começa a correr passa a prestar atenção na alimentação, seja na quantidade e/ou qualidade. “A corrida também promove a diminuição do colesterol total; aumento do HDL “colesterol bom”; aumento da calcificação óssea; a diminuição ou controle da pressão arterial. Estes são só alguns dos benefícios que a corrida promove no organismo e a pessoa que começa a correr fica “viciada” devido ao prazer causado pela alta concentração de endorfina ocasionada pelo esporte, com isso, combatendo o stress do dia a dia”, ressalta Fábio.
Antes de iniciar a corrida, o professor explica que a prática exige que a pessoa esteja devidamente vestida para correr, usando roupas leves e confortáveis, o uso do frequencímetro que é importante, principalmente, para a pessoa que está iniciando na corrida ou que por algum motivo de saúde não pode aumentar a intensidade do exercício e também é necessário o uso de um tênis adequado. “Hoje em dia existem vários modelos de tênis específicos para corrida e também o tipo de pisada, algumas lojas já tem um aparelho que afere o tipo de pisada de cada pessoa podendo assim recomendar qual tênis é melhor para cada pessoa”, conta.

Como acontece em qualquer esporte, quanto mais o atleta praticar a corrida, maior resistência vai adquirir. Para isso, de acordo com Fábio, deve ser levada em conta a individualidade, a característica genética e a disponibilidade de tempo para treinar de cada um, porém toda pessoa pode evoluir na corrida, basta querer. “Eu digo para as pessoas que elas precisam começar na corrida, dar o pontapé inicial, este é o principal passo. Depois disso, que elas mantenham o foco nos primeiros treinos, que são os mais difíceis e logo estarão “picadas” pela endorfina, daí em diante só resta desejar boas provas”, finaliza Fábio.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s