Apresentação do Paradesporto para pacientes da Clínica Ana Carolina Moura Xavier

Aconteceu, na última segunda-feira, 13, a apresentação dos para-atletas na Clínica Hospitalar de Reabilitação Ana Carolina Moura Xavier. Foram apresentadas as diversas modalidades que a ADFP (Associação dos Deficientes Físicos do Paraná) oferece aos interessados na prática do esporte.
A abertura do evento foi feita pelo médico responsável pela clínica, Luis Antônio Munhoz da Cunha, juntamente com o representante da Secretaria Municipal Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência de Curitiba, Irajá de Brito Vaz.
Quando passada a palavra ao secretário, inicialmente ele conta um pouco de sua história aos pacientes da clínica. Irajá explica que há 30 anos sofreu um acidente, ficou tetraplégico e, depois de muito relutar, decidiu começar a fisioterapia. Com o tempo foi recuperando alguns movimentos e, finalmente, se encontrou no Paradesporto, mais especificamente, na natação. Com esta iniciativa, Irajá foi atleta paraolímpico e campeão na modalidade, participando dos Jogos Panamericanos, e bi-campeão mundial.

As palavras do secretário são com o intuito de incentivar os pacientes ali presente, para nunca desistirem de seus sonhos e desejos. Ele aproveita também, para explicar a importância da Clínica de Reabilitação Ana Carolina Moura Xavier e, principalmente, para falar do esporte, que é uma das formas de reabilitação, enfatizando que o Paradesporto não tem idade e que é importante que os pacientes saiam de casa, que não deixem os problemas tomar conta de suas vidas.
Irajá comenta que, inicialmente, foi muito difícil para ele aceitar a sua condição de cadeirante, pois era piloto e jamais havia se imaginado desta forma. Entretanto, com muita força de vontade, ele venceu seus medos e seguiu em frente e se adaptou.

Após a abertura do evento, os pacientes ali presente, puderam ter contato com as modalidades esportivas apresentadas. Enquanto apresentavam o esporte, os atletas incentivavam os expectadores a não desistir, a seguir em frente e buscar realizar seus sonhos. Eles também puderam experimentar cada um dos esportes: esgrima, basquete, bocha, tênis de mesa e tiveram a demonstração de petra. E até os médicos presente entraram no clima e experimentaram o basquete em cadeira de rodas.

A médica Luciane Cristina Oliveira Valdez, uma das representantes da clínica, comenta que o evento é para apresentar o paradesporto aos pacientes, como forma de incentivo. “A ideia é apresentar a eles as modalidades existentes para que eles possam, futuramente, praticar uma delas”, explica.
É a segunda vez que o evento acontece, entretanto, a primeira que é aberto ao público. “Nós já fizemos esta apresentação para os funcionários e agora estamos abrindo ao público”, ressalta Luciane.

A clínica conta com o apoio da ADFP, que trouxe seus atletas e materiais, com a Secretaria Estadual de Saúde e com as atividades voluntárias.
“O nosso objetivo é fazer estas apresentações a cada 3 meses, para que todos os pacientes que passarem por nossa clínica, possam conhecer as modalidades esportivas do Paradesporto”, destaca a médica.

Para quem tiver interesse em colaborar com as atividades, pode entrar em contato pelo fone: (41) 3281-2600 e falar com o Serviço Social ou com a Direção Técnica da clínica.
Para enfatizar a importância do Paradesporto, a partir da próxima semana, iniciaremos uma série com as modalidades esportivas, para apresentar cada uma delas. Não perca!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s