A velocidade nos Sertões

O Rally dos Sertões é considerado o segundo rally mais difícil do mundo. Segundo o piloto da equipe Insano-Wracing, Lorenzo Madalosso, o esporte é assim considerado por inúmeros motivos, dentre eles: com dez dias de prova é percorrido, em média, 5.000 quilômetros, devido a essa distância, o rally passa por diversos tipos de solo e, dessa forma, não permite que o piloto pratique e se especialize em um só piso.

Foto: Marcelo Maragni / Fotoarena

Um dos pisos mais complicados é a areia, que além de ser difícil de andar, desgasta muito fisicamente e os trechos são longos. As altas temperaturas dentro do sertão brasileiro também dificultam, pois em alguns trechos os pilotos passam por regiões semidesérticas, que chegam até 45 graus célsius e a longa distância desgasta o equipamento (moto e equipamentos de navegação) que pode atrapalhar o piloto, fazendo-o ficar no meio do caminho.
Conforme explica Lorenzo, o Rally dos Sertões é uma prova extremamente bem organizada e com uma estrutura maravilhosa. Os pilotos têm a oportunidade de praticar o esporte que gostam, de sentir muita adrenalina, conhecer o verdadeiro sertão brasileiro com sua maravilhosa natureza e as pessoas que fazem parte deste “cenário”. “O fato de ser uma grande estrutura de competição com caminhões, ônibus, motos, helicópteros e pilotos do mundo todo, faz com que o Rally dos Sertões traga realizações para os seus pilotos e sonhos para todos os moradores de vilarejos muito pequenos que compõe o sertão brasileiro”, completa.

Foto: David Santos Jr / Fotoarena

Lorenzo alimenta essa paixão pelo esporte “radical” desde pequeno. “A bicicleta se transformou em uma moto, a moto em um jeep e, mais tarde, em um carro de Rally de Velocidade. Mas, a paixão pela moto falou mais alto e quando fiz uma viagem com duração de três meses junto com o meu irmão, saindo de Curitiba rumo ao Alasca, me senti mais confiante para participar dos Sertões”, conta.
Para participar de um rally desse porte é necessário muito treino e dedicação. O piloto explica que assim que tomou a decisão de correr uma competição, foram oito meses de treinos e preparação, que fizeram parte da sua rotina semanal. Praticava pilates, natação, corrida e saídas de moto por estradas de chão pelo menos duas vezes por semana. “Ouvi de vários pilotos experientes no Rally, que este ano de 2011 estava sendo o mais complicado da história dos sertões. Trechos muito travados, com grandes erosões e algumas “armadilhas” no percurso, chamadas de mata-burro com vão central, o qual é muito perigoso porque se o piloto não se antecipar a ele, pode entrar, acidentalmente, no vão que ali existe com o pneu dianteiro da motocicleta e se machucar gravemente”, explica.

Foto: Idario Cafe / Fotoarena

Lorenzo está na equipe Insano-Wracing há 10 meses e neste ano participou, pela primeira vez, profissionalmente de uma competição. “Para participar do rally é preciso sonhar com isso. Pois, envolve um alto custo, exige muito treinamento e dedicação. Além disso, é necessário deixar boa parte dos receios e medos em casa, isso porque, devido à velocidade, qualquer tombo pode machucar muito e acabar com sua participação na prova”, ressalta.
O Rally dos Sertões é também é uma prova de consciência ambiental. Porque há uma equipe preparada para o recolhimento do lixo gerado pelo Rally em todo o seu percurso e nos acampamentos. “Esta prova só existe graças a essa consciência, pois todos os pilotos e organizadores têm grande laço com a natureza, o que faz a prova ficar mais bonita e emocionante, sem falar que isto é primordial pra nossas vidas mesmo no dia a dia”, finaliza Lorenzo.

Foto: Theo Ribeiro / Fotoarena

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s